Para dias nublados, Amélie Poulain

Hoje eu quero emprestado um dia de Amélie Poulain. O colorido vermelho-verde-amarelo das ruas por onde esta jovem encantadora passou. Para vocês, uma quinta-feira embalada pela valsa de Amélie Poulain.

Amélie vai ao cinema de vez em quando, às sextas. “Gosto de observar na escuridão as caras dos outros espectadores. E de notar o pequeno pormenor que mais ninquém verá. Mas odeio nos antigos filmes americanos que os condutores não olhem para a estrada.” Amélie não tem nenhum homem; Experimentou uma ou duas vezes mas o resultado ficou aquém da expectativa. Em vez disso cultiva um gosto especial pelos pequenos prazeres. Mergulhar a mão em sacas de grão, partir o queimado do leite-creme com a ponta da colher… Fazer ricochetes na água do Canal St.Martin. (trecho do Filme)

Anúncios

2 comentários sobre “Para dias nublados, Amélie Poulain

    • enquantoescrevo disse:

      Ontem, aqui em Porto Alegre, choveu muito. Não tive dúvida: Amélie Poulain. Colore o preto e branco da vida e da alma. Bj!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s