Decisões, renúncias e o infinito construir

Assim que recebi a mensagem da minha amiga, li no celular: “Você é o resultado de suas escolhas”. O conselho, que eu esperava reconfortar-me, acabou soando como uma profecia inegável, irrefutável, ou pior, carregava o julgamento do que eu era naquele momento, sem chance de renúncia. E isso pesou em mim. Claro que não irei delegar à mensagem a conseqüência dos meus atos. Na verdade, minha decisão estava ali o tempo todo.

*****

Não percebi qual foi o dia que me tornei responsável. O processo foi lento, rasteiro. Quando dei por mim, documentos e contratos exibiam o meu nome (e não mais o da minha mãe), as consultas médicas eram marcadas por mim, eu escolhia minhas roupas e não precisava atravessar a avenida de mãos dadas com ninguém.

Tive que fazer escolhas. Muitas. E difíceis. Ainda me pergunto se elas foram corajosas ou covardes. A diferença possui uma sutileza que engana e se deixa enganar. Abandonar um projeto, uma história, um emprego ou uma proposta significa renunciar; e toda renuncia leva um pedaço de nós.

Há muitas fatias de mim jogadas por aí. Devem estar em uma sala vazia, em uma gaveta desarrumada, em um porta-retrato quebrado. Mas foi jogando fora estes pedaços que pude construir-me pouco a pouco. Foi arrancando de mim que aprendi ter e ser.

Corro o risco de desaparecer diante de tantas renúncias. No entanto, creio que os ganhos existem. E eles são tão genuínos, tão meus que não fogem à frase escrita de minha amiga: sou o resultado das minhas escolhas. Minhas costelas, meus sentimentos, minhas mãos, meu amor, minha nuca, minha raiva. Sou puramente eu.

No futuro, poderei me arrepender de muitas coisas. Mas nunca de ter perseguido, como um cão farejador atrás da caça, o meu objetivo, os meus projetos. Lembrar disso me reconfortará. Será então que, com uma marreta, quebrarei mais uma parede e erguerei mais um tijolo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s